Nota sobre Segurança Informática e a detenção da Ativista Sininho em Porto Alegre como parte da operação Firewall.

Compartilhamos uma nota da prensa corporativa só para ter em conta como é que o poder vem seguindo-nos, e como uma cultura de segurança dos meios de comunicação é urgente nestos tempos de vigilanza e controle quase totais, numa sociedade que dia-dia é mais próxima à 1984 de Orwell. Sublinhamos os trechos que nos parecem importantes para tomar em conta e compartilhamos também uma nota de segurança informática.

Ativista Sininho é presa em Porto Alegre

A ativista Elisa Quadros Pinto Sanzi, conhecida como Sininho, foi presa na manhã deste sábado em Porto Alegre em uma operação da Polícia Civil do Rio de Janeiro (RJ) contra atos de vandalismo cometidos em território fluminense. Segundo informações do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), ela foi encontrada na casa de um familiar e seguirá à tarde para a capital carioca. A ofensiva prendeu outras 18 pessoas envolvidas nos protestos do ano passado.

Juremir Machado da Silva: Por que Sininho foi presa?

De acordo com o delegado Arthur Raldi, a prisão de Sininho ocorreu na rua General Câmara, em um prédio do Centro de Porto Alegre. Três policiais da Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI) vieram especialmente do Rio de Janeiro para localizar a ativista e cumprir o mandado de prisão temporária expedido pela 27ª Vara Criminal do RJ.

Os agentes receberam o apoio de outros nove policiais da Polícia Civil gaúcha e de dois delegados, entre eles Raldi. “No primeiro momento, encaminhamos a Sininho para a sede do Deic, onde ela aguardou a chegada dos familiares e do advogado. Em seguida ela seguiu para a área vip da Polícia Federal e aguarda o embarque para o Rio no aeroporto Salgado Filho, o que deve ocorrer no final da tarde de hoje”, explicou.

De acordo com os policiais civis cariocas, Sininho é suspeita de ter negociado, por telefone e através de mensagens de texto, a compra de fogos de artifício usados nos protestos no Rio. A DRCI interceptou as conversas telefônicas da ativista mediante autorização da Justiça.

Sininho ficou conhecida após a manifestação em que o cinegrafista Santiago Andrade morreu, depois de ser atingido por um rojão enquanto trabalhava pela Band. Na época, um dos suspeitos, Fábio Raposo, indicou que ativista estaria envolvida na distribuição de dinheiro a manifestantes.

Retirado de http://www2.correiodopovo.com.br/Noticias/?Noticia=530375

SEGURANÇA INFORMATICA

adaptado de: Recife Resiste!

A situação é grave. Passou o tempo de se sentir seguro, estamos todos sendo constantemente violados no nosso direito à privacidade. As investidas vêm de um Estado cada vez mais policial e de corporações que colaboram com a lógica do controle para poderem aumentar seus rendimentos. Não são apenas nossas ações políticas que estão sendo vigiadas. Também estão sob escuta nossos relacionamentos, nossas transações bancárias, ou seja, toda nossa vida. Esse cenário pode gerar medo e passividade, mas não temos mais tempo para isso. A paralisia só piorará esse cenário. É a hora de conspirarmos, mas silenciosamente. Para evitar a paranoia a melhor solução é fazer o possível para estar seguro.

Essas breves dicas têm como intuito dificultar o controle a que todos nós estamos expostos. A ideia é fornecer caminhos a se seguir. Isso não é uma solução para todos os problemas, pois na era digital uma comunicação livre de controle é quase uma utopia. Porém a proliferação de novos usos na internet deixarão tudo muito mais trabalhoso para os que nos perseguem.

(Clique nos nomes para seguir para os links)

Tem boi na linha

Essa é uma boa introdução para entender e lidar com a vigilância na internet. Trata desde o funcionamento da vigilância até as formas mais comuns e eficazes de se proteger.

Manual de segurança do Saravá

Esse manual tem como objetivo orientar grupos ativistas, movimentos sociais ou qualquer pessoa para questões de segurança, privacidade e direitos civis.

Prism Break

Essa é uma lista que fornece alternativas aos programas que possibilitam a vigilância.

Oficina Antivigilância

Oficina responsável pelo Boletim Antivigilância que informa as novidades sobre o tema.

Autodefesa no e-mail

Esse guia vai lhe ensinar uma habilidade básica de autodefesa contra vigilância: criptografia por e-mail.

Como combater a viligância online

Esse guia é uma breve introdução à segurança online, não confie sua vida a ele, continue pesquisando.

Online_Portuguese_Inline

Retirado de CNARIO

https://cnario.noblogs.org/post/2014/07/15/dossie-vigilancia-x-seguranca-no-computador/

Advertisements